terça-feira, 29 de setembro de 2015

Bolinho Assado de Salmão e Gergelim!



Com uma bela sobra de salmão assado com ervas, procurei uma sugestão fácil para fazer no almoço do dia seguinte, um dia de semana, ou seja, apressado!
Já havia feito bolinho (tipo croquete, frito) e um risoto maravilhoso, dessa vez queria algo de forno, o que me daria tempo para adiantar outras tarefas.
Resolvi usar a intuição e preparei um bolinho de formato achatado (assa melhor) e o resultado superou minhas expectativas, gostei tanto que certamente farei outras vezes.


Bolinho de salmão com gergelim

- 2 batatas médias*
- 1 colher (chá) de manteiga
- 1 pitada de sal
- 1 1/2 xícaras de sobras de salmão assado ou cozido - aproximadamente
- 1 colher (sopa) de creme de queijo minas frescal
- cheiro verde a gosto - usei salsa e cebolinha 
- gergelim torrado a gosto
- azeite quanto baste

Modo de preparo:

Cozinhe as batatas (sem casca), cortada em cubos médios até ficarem macias.Amasse bem até a mistura ficar lisa e homogênea, junte o sal, coloque a manteiga e misture até derreter.
Adicione a sobra de salmão, desmanchando os pedaços com ajuda de um garfo, o creme de queijo e o cheiro verde bem picadinho.A massa fica molinha, cremosa, mas fácil de manusear e moldar.
Faça bolinhos e achate-os na palma da mão, como pequenos hamburgueres.
Regue o fundo de um refratário com um fio de azeite, distribua os bolinhos, um ao lado do outro, polvilhe o gergelim torrado sobre cada um e aperte com as pontas dos dedos, afundando-os levemente na massa.Regue tudo com um fio de azeite e leve ao forno a 200ºC por aproximadamente 30 minutos (esse tempo pode variar de acordo com seu forno), virando os bolinhos na metade do tempo, com ajuda de uma espátula, para que dourem dos dois lados.
Servi com salada de rúcula e cenoura ralada, temperada com vinagre balsâmico e azeite de oliva.

*Com batata doce também deve ficar ótimo, além de ser um carboidrato mais saudável.

Rend. 10 bolinhos



Um momento fora da cozinha...

Esse cactos foi presente da minha mãe alguns anos antes dela partir, é a segunda vez que floresce, na primeira vez foi mais tímido, dessa vez está cheio de botões estrategicamente protegidos pelos espinhos.
Cheia de personalidade e significado, singela e linda!

Uma abençoada semana a todos!!

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Pão de Hamburguer Caseiro!


Procurando uma receita simples e prática de pãezinhos que levasse iogurte na massa, me deparei com essa sugestão no Fazendo Arte e não tive mais dúvida, afinal a quantidade de iogurte na massa era exatamente a que eu tinha disponível e receitas da Oslaine são certeiras!
Indicados para hamburguer, ficam macios e podem render um delicioso sanduíche caseiro, aqui em casa foram devorados no lanche com manteiga, geleia e mel...perfeitos!

Pão de hamburguer caseiro

- 1 e 1/4 de xícara de iogurte ou leite (usei iogurte natural integral caseiro)
- 1 colher (chá) de sal
- 2 colheres (sopa) de açúcar
- 1 colher (sopa) de fermento biológico seco
- 1 ovo
- 3 e 1/2 a 4 xícaras de farinha de trigo
- gergelim - opcional
- 1 ovo para pincelar se for usar o gergelim

Modo de preparo:

Coloque todos os ingredientes na mfp (menos o gergelim), adicione a farinha aos poucos até que forme uma bola homogênea. Escolha a opção "massa".
Pode ser feito a mão, sove bem a massa por 15-20 minutos e deixe descansar por 30 minutos.
Em uma tigelinha, bata ligeiramente um ovo com um pouquinho de água e em outra tigelinha coloque o gergelim, reserve.
Retire a massa da mfp, coloque em uma superfície polvilhada com farinha, divida-a em 12 porçoes, forme bolinhas e passe cada bolinha no ovo batido e depois no gergelim.
Disponha as bolinhas de massa em assadeira polvilhada com farinha, cubra com pano limpo e deixe crescer até dobrar de tamanho.
Asse os pãezinhos no forno preaquecido a 200ºC por cerca de 20 minutos.

Rend. 12 pães


Modelei-os rapidamente na hora do almoço e ficaram mais rústicos (minha cara!rs), também deixei alguns sem gergelim, meu filho prefere assim.


Um excelente final de semana a todos!!

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Geleia de Figo com Baunilha!



Ao ver figo fresco no supermercado, me veio a mente inúmeras sugestões deliciosas onde eu poderia usá-los, acabei optando pela mais simples, mas não menos saborosa...uma geleia de figo com fava de baunilha!
Me lembrei que até outro dia eu teimava em dizer que não gostava dessa fruta, minha mãe adorava e sempre fazia grandes potes do figo em calda, provei uma única vez quando criança e nunca mais quis passar nem perto!Ainda bem que um dia (demorou, mas chegou!) a gente resolve tentar de novo! ;D

Geleia de figo com baunilha

- 300g de figo fresco (cerca de 6 unidades)*
- 1/2 xícara (chá) de açúcar
- suco de 1/2 limão
- sementes de 1/2 fava de baunilha

Modo de preparo:

Lave e corte em fatias os figos.
Leve ao fogo uma panela média com o figo fatiado, o açúcar, o suco de limão e as sementes da baunilha (corte a fava ao meio e raspe com as costas de uma faca para retirar as sementes), junte também a fava ao preparo.
Cozinhe em fogo baixo, mexendo de vez em quando, até atingir o ponto de geleia.

* Sempre preparo geleia em pequenas quantidades, assim não corro risco que estraguem, já que não levam nenhum tipo de conservante e posso testar novos sabores com mais frequência!

Ainda morninha experimentei na torrada e depois de fria com iogurte natural integral caseiro...aprovadíssima!


Uma doce e ótima semana a todos!

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Shimeji na Manteiga!


Essa sugestão está aqui esperando faz algum tempo, desde o dia que apresentei uma massa com shimeji da Rachel Khoo, sobrou um pouco de cogumelo e resolvi experimentar essa receitinha simples que faz sucesso com os apaixonados de comida asiática.
Confesso que não achei nada de mais, por isso fiquei em dúvida se traria para o blog, deixo a decisão de provar com vocês.


Shimeji na manteiga 

- 1 bandeija de shimeji
- 1 colher (sopa) de manteiga
- 1/2 colher (sopa) de açúcar
- 1/4 xícara (chá) de molho de soja (shoyu)
- folhas de manjericão fresco - opcional
- sal a gosto

Modo de preparo:

Coloque os cogumelos em um escorredor, retire as bases e jogue-as fora.
Passe o shimeji rapidamente pela água corrente. Deixe escorrer, os cogumelos costumama ser porosos, ou seja, absorvem muita água.
Leve uma frigideira ao fogo alto, coloque a manteiga, acrescente o açúcar e o shimeji e deixe no fogo alto por uns três minutos, procure não mexer com a colher, apenas faça movimentos com a frigideira.
Acrescente o molho de soja e o sal, mantenha no fogo por mais um minuto.
Salpique com as folhas de manjericão.
Sirva em seguida.

Ótimo final de semana a todos!

terça-feira, 15 de setembro de 2015

Rigatoni Recheado ao Forno!



Esse prato fazia parte do cardápio da minha casa na adolescência, não sei de onde tiramos a ideia, naquele tempo as receitas eram passadas por amigos, conhecidos, tiradas de revistas ou vistas em programas de tv...não havia a preocupação com a fonte, anotava-se em um papel qualquer e pronto.
Outro dia me lembrei dela e quis reproduzir na minha cozinha. Muito simples, o único trabalho é rechear os rigatonis um a um!

Rigatoni recheado de forno

Não tenho quantidades para essa receita, o refratário da foto serve duas pessoas.
Recheie cada rigatoni (ainda cru), com presunto e muçarela picados em cubinhos bem pequenos.
Distribua-os em um refratário, tentando mantê-los em pé, escorando um no outro.
Salpique orégano seco, distribua folhas de louro nos espaços entre o macarrão, polvilhe sal e pimenta do reino moída e noz moscada ralada.
Cubra tudo com leite integral, até que os rigatonis fiquem totalmente cobertos, usei um refratário relativamente baixo para a altura da massa e as pontas da superfície ficaram durinhas.
Cubra com papel filme ou alumínio e deixe descansar na geladeira de um dia para outro. No dia seguinte, retire o papel e leve ao forno até que a massa esteja cozida e o queijo derretido.


Tem a cara do meu filho...macarrão sabor pizza, segundo ele!rs

Excelente semana a todos!!

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Quibe de Forno com Molho de Iogurte e Hortelã!


Desde criança sou fã de quibe, era um petisco (sempre frito) servido em praticamente todas as festinhas, ainda hoje gosto muito, mas tenho preferido a versão assada de carne ou  peixe (também muito saborosa), seja na travessa ou bolinhos individuais.
A receita do quibe é a mesma que fiz aqui, dessa vez resolvi assá-los no tradicional formato de bolinhos.
Para acompanhar, um refrescante molho de iogurte e hortelã...delicioso!

Prepare o quibe, enrole os bolinhos, distribua-os em assadeira ligeiramente untada, regue cada um com um fio de azeite e leve ao forno a 200ºC.
Se quiser vire-os pós algum tempo para que dourem bem de todos os lados, eu só virei uma vez.

Para o molho bata no processador, 1/2 copo de iogurte natural, 1/2 xícara de creme de leite, 1/2 xícara de folhas de hortelã fresca, suco de 1/2 limão e 1/2 colher (chá) de sal.


Um excelente final de semana a todos!

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Bolo de Cenoura com Calda de Chocolate, versão adaptada!


O bolo de cenoura reina soberano na preferência em muitos lares, entre os pequenos e os adultos!
Foi o que pude constatar quando coloquei a foto no meu face dizendo que havia preparado esse bolo para o feriado, vários foram os comentários de amigos dizendo que em suas casas também foi a sugestão do dia...coincidência pra lá de saborosa.
A receita de hoje é a mesma que sempre uso, minha preferida e infálivel, mas dessa vez, além de querer um bolo um pouco menor, também precisava aproveitar uma sobra de iogurte natural que estava na geladeira.
Se preferir a receita original, pode encontrá-la aqui, abaixo coloco a versão diminuída e com acréscimo do iogurte.

Bolo de cenoura com calda de chocolate

- 2 cenouras médias raspadas e picadas
- 3 ovos pequenos ou 2 grandes
- 1 xícara de açúcar (dessa vez usei refinado)
- 1 e 1/2 xícara de farinha de trigo
- 1/2 xícara de óleo
- 1/2 copo de iogurte natural integral 
- 1 pitada de sal
- 2/3 colher (sopa) de fermento em pó

Preaqueça o forno a 180ºC. Unte e enfarinhe uma forma redonda de 19cm.
No liquidificador bata a cenoura, os ovos, o açúcar, o iogurte e o oléo.
Em uma tigela peneire a farinha, o sal e o fermento, adicione a mistura do liquidificador, mexa com cuidado até ficar homogêneo.
Despeje na forma preparada, leve ao forno e asse por 35-40 minutos ou até o teste do palito sair limpo.
Deixe esfriar sobre uma grade para desenformar.
Prepare um brigadeiro mole, leite condensado, manteiga, chocolate em pó (ou achocolatado se preferir), misture creme de leite aos poucos até atingir a consistência desejada, eu gosto dele ainda escorrendo, mas encorpado.
Faça furos na superfície do bolo, despeje a calda ainda quente sobre o bolo frio e delicie-se!


Por fim, não ficou tão pequeno assim, menor no diâmetro, mas com uma bela altura (adoro!!).


Desejo uma semana produtiva e alegre a todos!!

sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Salteado Oriental de Frango e Brócolis!



Esse é um prato simples, fácil e rápido de fazer e com resultado bem saboroso.
Mais uma vez, não gostei da foto, fiz a escolha errada do prato para apresentação e a luz...aff, nada como luz natural...ainda faço um curso de fotografia e adquiro uma bela câmera! ; )

Salteado oriental de frango e brócolis

- 3 colheres (sopa) de óleo vegetal ou azeite 
- 1/2 cebola média picada
- 400g de filé de frango cortado em tiras finas
- sal e pimenta do reino a gosto
- 300g de brócolis cozido (somente os floretes)
- 1/2 pimentão vermelho cortado em tiras (usei pimenta cambuci)
- 1 colher (chá) de gengibre fresco ralado
- 1 colher (sopa) de suco de limão
- 1 colher (sopa) de molho de soja
- amendoim torrado a gosto
- cebolinha verde picada

Modo de preparo:

Tempere o frango com sal e pimenta do reino. Aqueça 2 colheres (sopa) de óleo em uma frigideira em fogo alto e acrescente as tiras de frango, deixe até que fiquem bem douradas.
Retire o frango e reserve. Na mesma frigideira, acrescente mais 1 colher (sopa) de óleo e doure levemente a cebola, adicione o pimentão ou a pimenta cambuci e o gengibre e doure mais um pouco.
Ainda em fogo alto, junte os pedaços de frango reservados, o brócolis, o suco de limão, o molho de soja e o amendoim.
Deixe cozinhar por mais um minuto, mexendo sempre. Corrija o sal, retire do fogo e salpique a cebolinha verde.
Sirva imediatamente.


Um tranquilo final de semana e feriado a todos!!

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Pãozinho de Banana!


Faz tempo que estava enamorada desse pãozinho de banana e como essa fruta nunca falta aqui em casa, chegou a hora de experimentá-lo.
Ficaram extremamente macios e perfumados, perfeitos para o lanche da tarde com um pouco de mel.
As fotos tiradas no início da noite não ficaram boas, mas garanto que vale a pena experimentar.

Pãozinho de banana
( ligeiramente adaptado daqui)

- 2 colheres (chá) de fermento biológico seco
- 3 colheres (sopa) de açúcar
- 3/4 xícara de água morna (180ml)
- 3 xícaras de farinha de trigo (420g)
- 1 colher (chá) de sal
- 4 colheres (sopa) de manteiga sem sal, amolecida (56g)
- 1/4 xícara de leite em pó desnatado (usei integral)
- 1 banana madura, amassada

Modo de preparo:

Eu usei a mfp para sovar.*
Coloque o fermento na cuba da máquina, adicione 1 pitada do açúcar e a água morna, misture bem e reserve até espumar.
Junte a farinha (não toda de uma vez, deixe 1/2 xícara reservada), o açúcar restante, a manteiga, o leite em pó e a banana.Ligue a mfp na opção "massa", acompanhe os primeiros 5 minutos e acrescente a farinha reservada se necessário, deve formar uma bola homogênea.
Deixe terminar o processo de sova e descanso. Após o bip da mfp, retire a massa da cuba, sove rapidamente e corte em 8 partes iguais ou de acordo com o tamanho que quiser seu pãozinho.
Forme bolinhas com cada uma das partes, distribua-as em uma assadeira untada, cubra com um pano limpo e deixe crescer novamente por aproximadamente 1 hora.
Preaqueça o forno a 180º. Leve assar por 35-40 minutos ou até dourar.

Deixe esfriar sobre uma grade e depois desenforme.
Rend. 8 unidades.

*Você pode usar a batedeira planetária com o gancho de massa ou sovar a mão, a sequência e o modo de preparo é o mesmo.


Excelente semana a todos!!