sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Pão Baiano, versão sanduíche


Meu filho participa da ordem Demolay e há pouco reativamos o Clube de Mães, uma das funções é dar suporte aos meninos e um lanche ao final das reuniões que acontecem nas tardes de sábado, deixa todos mais animados e dispostos.
Estava saudosa de uma receita preparada em casa na adolescência, uma espécie de sanduíche com massa mole de pão e recheado com presunto e mussarela, a anotação da época me parecia incompleta, resolvi fazer uma nova versão.
Usei a massa do pão baiano, que é fantástica, o resultado superou minha espectativa, a massa ficou alta, macia, saborosa, teve ótimo rendimento e o melhor, simples de preparar.
Adorei!!

Pão baiano, versão sanduíche

- 2 ovos
- 1 e 3/4 de xícara de leite
- 1/2 xícara de óleo 
- 1 colher rasa de margarina
- 1 e 1/2 colher (sopa) de açúcar
- 1/2 colher (sopa) de sal
- 1 tablete de fermento biológico fresco para pão (15g)
- entre 400 a 500g de farinha de trigo
- mussarela e presunto sem capa a gosto
- orégano e temperos a gosto

Modo de preparo:

Bata todos os ingredientes da massa, menos o trigo no liquidificador por 3 minutos.
Em uma tigela, acrescente a farinha de trigo aos poucos, a massa fica mole, pegajosa, mas possível de estender com ajuda de uma colher.
Unte a assadeira (usei de 32x22cm, com 6cm de altura), distribua metade da massa, espalhando bem com uma colher, por cima coloque fatias de presunto e em seguida de mussarela, salpique orégano seco e cubra com a outra metade da massa, espalhando para cobrir bem o recheio. Salpique um pouco de tempero desidratado por cima, gosto de uma combinação de cebola, alho e salsa.
Deixe crescer por 30-40 minutos e leve ao forno preaquecido a 180ºC até que doure a superfície.

Essa é metade da receita original que tenho para pão baiano, mas rende um lindo pão ou essa assadeira de "sanduíche" que está nas fotos.


Cortado em pequenos quadrados é delicioso consumido quente ou frio e continua ótimo no dia seguinte se guardado em um pote fechado (se estiver muito calor e ficar de um dia para outro, deixo-os na geladeira).




Um excelente final de semana a todos!!

16 comentários:

  1. Hello, minha querida!
    Eu ainda não fiz esse pão mas com certeza farei!
    O meu filho trabalha e estuda eu tenho sempre que diversificar os
    lanches p/ ele levar. Quando o meu esposo chega do trabalho a primeira coisa que
    ele faz é ir pra cozinha ver o que tem de bom, adoro vê-lo comendo, rsrs.
    É prazeroso fazer receitas para quem a gente ama!
    Amei a sua receita!

    Um maravilhoso fds junto ao seu filho!
    Bjs no seu ♥

    ResponderExcluir
  2. Acho este pão maravilhoso para substituir as sandes numa festa ^^ que sonho!

    ResponderExcluir
  3. Adoro esse pãozinho baiano, Cristina, mas tenho "preguiça ' de faze-lo..Assim, na versão de assadeira vai virar assiduidade aqui em casa.
    Bj e obrigada por partilhar.
    Òtimo fim de semana para você.
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  4. Olá Cristina: mais uma receita maravilhosa de pão. Este fica lindo para uma festa ou reunião de amigos. Já vem recheado e a massa parece bem fofinha e deliciosa.Levei e vou experimentar.
    Bjn e BFS
    Márcia

    ResponderExcluir
  5. Receita ótima para o lanche do fim de semana.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Olá Cristina, gostaria de saber quanto você usou de farinha na receita?
    cybelle

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cybelle, acredita que não percebi que faltava a quantidade de farinha e olha que reviso várias vezes antes de postar, obrigada!
      A quantidade não é exata, fica entre 400 e 500g de farinha para essa receita que passei, a massa fica mole, meio puxa, pegajosa, mas não líquida.
      Um abraço e seja sempre bem vinda.

      Excluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Olá querida Cristina!
    Que lanche maravilhoso, esta massa fica muito fofa, adorei! Eu não conhecia este pão, agora fiquei curiosa para experimentar.
    Boa semana, bjs!

    ResponderExcluir
  9. Eu posso usar o fermento granulado ? E quanto. Gostei muito da receita.
    Bjs, Elisa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Elisa, pode usar sim. Um tablete corresponde a 5 g do fermento seco granulado ou 1/2 colher de sopa.Espero ter ajudado.
      Abraços

      Excluir
  10. Testei a massa e ele está descansando, mas não cresceu nada :( ME-DO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Janine, volte para me contar o resultado, ok?!

      Excluir
    2. Cris, deu certo!!!!!!!!!!!!!

      Usei fermento seco, pois era o único que tinha por aqui; então, para equilibrar, utilizei somente meio saquinho, ou seja, 5 g..

      O cheiro é espetacular, mas tem um porém, o meu ficou mais baixinho :( Meu tabuleiro é um tantinho maior que o seu ( 22,5 por 33,5), medindo só a parte do buraco, sem a bordinha.

      Como na hora do descanso ele não cresceu muito, eu acho que talvez devesse ter usado o fermento todo... Vou tentar na próxima. Ah, e usei 500 g. de farinha. Como não sabia como era a textura exata, acabei com medo de colocar só 400 e ficar muito pegajosa.

      Será que você poderia tirar foto da massa mole na próxima vez que fizer essa receita? Pode ser que esse tenha sido meu erro para não crescer tanto...

      Muito obrigada por compartilhar essa receita linda e deliciosa!

      Beijosss,
      Janine

      Excluir
    3. Oi Janine, fico feliz que tenha dado certo no final e que me deu retorno!Vc colocou a quantidade certa de fermento seco, talvez tenha sido mesmo a quantidade de farinha.Me comprometo a fazer uma foto da textura da massa da próxima vez e colocar aqui!
      Obrigada por prestigiar o blog, seja sempre bem vinda!
      Bjs,
      Cristina

      Excluir

Seu comentário é muito importante para mim!
Obrigada e volte sempre!