sexta-feira, 31 de julho de 2015

Cannelloni de Carne Moída ao Sugo!



Aqui em casa apreciamos um belo prato de massa, deve ser a descendência italiana falando!
Usando massa pronta de cannelloni (ainda quero fazer com a caseira) o preparo é simples, é o tempo de fazer um belo molho de tomates e o recheio que escolher.

Comece preparando o molho de tomate, em uma frigideira coloque um fio de azeite, frite cebola e alho bem picadinhos a gosto, junte tomates pelados e um pouco de água, esmague-os com ajuda de um garfo, tempere com sal, pimenta do reino moída, orégano seco e uma pitada de açúcar. Deixe cozinhar em fogo baixo até engrossar, ao final do preparo acrescente folhas de manjericão fresco.
Prepare a carne moída a seu gosto, eu refogo com cebola e alho, tempero com sal, pimenta do reino moída, orégano seco, cominho em pó e uma pitada de canela em pó, depois junto um pouco do molho de tomate para ficar molhadinha.
Coloque os cannellonis em água fervente com sal por 5 minutos (o tempo total de cozimento recomendado é de 11 minutos), escorra bem e passe em seguida pela água fria para cessar o cozimento, eles terminarão de cozinhar no forno.
Recheie cada cannelloni com a carne, disponha em um refratário ligeiramente untado, cubra-os com o molho de tomates e polvilhe com parmesão ralado.
Leve ao forno até que a massa esteja cozida e o queijo derretido.


Um lindo final de semana a todos!!

terça-feira, 28 de julho de 2015

Rosca Doce Recheada com Geleia e Frutas Cristalizadas!



Será alguém capaz de dizer que não gosta de pão doce, será?!
E se for assim, uma rosca linda, recheada, perfumada e saborosa como a que a bela e talentosa Léia fez, não tem como resistir...eu não resisti!
Fiz algumas adaptações de acordo com minha despensa, a receita original e fotos do modo de preparo você pode conferir aqui no Cucchiaio pieno.

Rosca doce recheada

- 585g de farinha de trigo
- 25g de fermento biológico fresco
- 85g de açúcar
- 120ml de leite
- 4 gemas
- 120g de manteiga em temperatura ambiente
- 400g de geleia de pêssego (usei caseira que ganhei da minha irmã)
- raspas da casca de 1 laranja
- 150g de frutas cristalizadas 
- açúcar de confeiteiro para polvilhar
- 1 pitada de sal

Modo de preparo:

Esmigalhe o fermento em uma tigela com 100ml de água morna, adicione 135g da farinha de trigo, cubra e deixe crescer por cerca de 30 minutos em lugar morno (costumo colocar no forno desligado apenas com a luz acesa).
Peneire 400g de farinha de trigo em uma tigela, acrescente o açúcar e a pitada de sal.Adicione 120ml de leite morno, 3 gemas, 120g de manteiga e as raspas da casca da laranja.
Trabalhe amassando bem todos os ingredientes, até obter uma massa homogênea, coloque-a em uma superfície polvilhada com a farinha restante e acrescente a massa levedada anteriormente.
Sove a massa por cerca de 15 minutos, coloque-a em uma tigela, cubra e deixe crescer por cerca de 2 horas em lugar aquecido.*

*Eu usei a mfp, fiz o processo da mesma maneira que descrito acima só que direto na cuba, apenas a parte inicial para levedar o fermento preparei em uma tigela separado e acrescentei na cuba junto com o restante da farinha, para formar a massa única. Liguei na opção sova, depois que desligou, retirei a massa e continuei o procedimento.

Sove a massa novamente, divida em duas partes, abra cada uma em um retângulo , espalhe metade da geleia (reserve um pouco para pincelar a rosca pronta) e polvilhe com a metade das frutas cristalizadas em cada uma, enrole-as como rocambole (formando dois rolos).
Corte os dois rolos em fatias altas e distribua-as em uma forma bem untada (de 26cm), uma ao lado da outra, deixando espaço para que cresçam.
Deixe crescer novamente por 30-40 minutos.
Pincele a rosca com a gema restante, misturada a 1 colher (sopa) de açúcar de confeiteiro e 1 colher (sopa) de leite.
Leve ao forno preaquecido a 200ºC por aproximadamente 20 minutos, depois desse tempo cubra com papel alumínio e deixe assar por mais 30-40 minutos, pode olhar na metade desse tempo, se já estiver dourada, desligue o forno.
Deixe esfriar para desenformar, polvilhe com açúcar de confeiteiro e com ajuda de um pincel de cozinha passe levemente um pouco da geleia separada anteriormente.


**Fiz metade da receita acima, usando uma forma de 20cm.

O aroma que exala da massa ainda crua já antecede o que está por vir, uma delícia!

Desejo uma excelente semana a todos!!

sexta-feira, 24 de julho de 2015

Rigatoni com Cogumelo Shimeji!


Assistindo ao novo programa da Rachel Khoo, me deparei com ela preparando um prato super simples, mas com aspecto interessante e resolvi experimentar.
Não anotei a receita na hora e não encontrei-a no site, segui a base que me lembrei, massa, bechamel e cogumelo...acredito que chegou perto da original.Também não sei extamente qual tipo de cogumelo ela usou, eles se pareciam com o shimeji e ao encontrá-lo no mercado foi esse que resolvi usar.
Foi a primeira vez que provei shimeji, confesso que não achei nada de mais, mas o prato em si, ficou saboroso e a apresentação é bem bacana.

Rigatoni com shimeji

Comece preparando um molho bechamel tradicional, numa panela média coloque  2 colheres (sopa rasa) de manteiga, quando derreter, adicione 2 colheres (sopa) de farinha de trigo e mexa por 2 minutos até ficar levemente dourado.Retire a panela do fogo e acrescente o leite aos poucos(cerca de 500ml), batendo sem parar com um batedor de arame.
Mexa muito bem (vigorosamente), leve de volta ao fogo e continue mexendo sem parar até ferver e engrossar um pouco.
Tempere com sal e noz moscada ralada.
Até aqui é um molho tradicional, agora acrescente 100ml de creme de leite e cerca de 100g de queijo gruyère (ou parmesão) ralado, reserve.
Cozinhe a massa em água e sal por 5 minutos, escorra e passe pela água fria para frear o cozimento.
Disponha os rigatonis em "pé" (na vertical) em ramequins pequenos (para porções individuais) ou em um médio, até preencher todo o espaço. Despeje o molho bechamel por cima, cobrindo bem os meios e laterais.
Disponha os cogumelos nas aberturas do rigatoni, como se fossem pequenas "árvores" plantadas, cubra com mais queijo ralado e leve assar até que o queijo esteja derretido e gratinado.

Rend. 2 ramequins pequenos.


Um excelente final de semana a todos!!

terça-feira, 21 de julho de 2015

Arroz de Forno com Cebola Frita e Tomate Seco!



Uma sobra de arroz pode ser reaproveitada de várias formas, uma delas já mostrei no blog, é um saboroso arroz de forno, mesmo sabendo que todo mundo deve ter sua própria versão, a que fiz essa semana ficou tão boa que não resisti em trazê-la para vocês!

Arroz de forno com cebola frita e tomate seco

- 1 e 1/2 xícaras de arroz cozido (minha sobra era de arroz com cenoura ralada)
- bacon, azeitona, tomate seco ou confit e cebola frita a gosto
- salsa e cebolinha fresca a gosto
- queijo muçarela e queijo parmesão ralado quanto baste

Modo de preparo:

Comece preparando o bacon, forre um prato com uma folha de papel toalha, distribua o bacon em cubinhos sobre o papel, cubra com outra folha de papel toalha, leve ao microondas até que fiquem douradinhos e crocantes, reserve.
Pique metade de uma cebola e frite em um fio de azeite até que fique bem dourada (quase queimada, pode acreditar, tem um sabor ótimo), reserve.
Misture ao arroz o bacon, a azeitona picada, o tomate seco picado (usei tomate confit caseiro), a cebola frita, a salsa e cebolinha picadas e um pouco do parmesão ralado.
Coloque metade do arroz em um refratário, disponha fatias de muçarela, cubra com o restante do arroz e salpique com parmesão ralado.
Leve ao forno até que os queijos derretam.

Eu servi com rodelas de banana grelhada e almeirão refogado.


Não sou boa com apresentação, rs...e o aspecto da foto pode não ajudar, mas garanto que a combinação ficou deliciosa.


Uma excelente semana a todos!!

sexta-feira, 17 de julho de 2015

Geleia de Pera com Baunilha e Anis-Estrelado!



Adoro geleias, as caseiras são muito simples de preparar e ficam especiais!
Essa combinação de pera, baunilha e anis-estrelado tem sabor suave e uma textura agradável, gostei muito.
Estou seriamente tentada a iniciar uma série com geleias, conservas, compotas, chutneys e afins, mas ainda preciso estudar mais o assunto!

Geleia de pera com baunilha e anis-estrelado

- 3 peras
- suco de 1 limão tahiti
- 1/2 xícara de açúcar (se a pera estiver madura e doce, pode-se reduzir para 1/3)
- 1 colher (sopa) de essência de baunilha (use caseira ou sementes de 1/2 fava)
- 1 anis-estrelado

Modo de preparo:

Descasque e pique a pera em cubos pequenos, regue com o suco de limão.
Coloque todos os ingredientes em uma panela e leve ao fogo médio.Deixe ferver lentamente, mexendo de vez em quando para não grudar no fundo, se necessário acrescente um pouquinho de água.
Quando a fruta ficar macia, esmague-a parcialmente até ficar com a textura desejada. 
Cozinhe até atingir o ponto de geleia ou a seu gosto.

Rend. cerca de 250ml


Ótimo final de semana a todos!!